16 C
Umuarama
quarta-feira, agosto 17, 2022
spot_imgspot_img

Ataque russo a porto ucraniano pode prejudicar acordo de cereais

A Ucrânia acusou a Rússia neste sábado (23) de lançar mísseis contra o porto estratégico de Odessa e de “quebrar suas promessas”.

O ataque aconteceu um dia depois que os dois países tinham fechado um acordo para retomar as exportações de grãos, bloqueadas pela guerra.

Bombeiros combatem chamas após ataque russo ao porto de Odessa, na Ucrânia — Foto: Press service of the Joint Forces of the South Defence/Handout via Reuters

Bombeiros combatem chamas após ataque russo ao porto de Odessa, na Ucrânia — Foto: Press service of the Joint Forces of the South Defence/Handout via Reuters

O porta-voz da força aérea ucraniana, Yuriy Ignat, informou que o porto de Odessa foi atacado quando cargas de cereais estavam sendo processadas, e que outros dois mísseis foram interceptados.

Presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, em Kiev  — Foto: Valentyn Ogirenko/REUTERS

Presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, em Kiev — Foto: Valentyn Ogirenko/REUTERS

Em uma reunião com legisladores americanos, o presidente ucraniano Volodimir Zelensky se pronunciou sobre o caso: “Isso prova que não importa o que a Rússia diga ou prometa, sempre vai encontrar uma maneira de não cumprir os acordos”.

A Rússia não se pronunciou oficialmente sobre a acusação, mas segundo o ministro da Defesa turco, Hulusi Akar, nega ter atacado o porto.

Para o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da Ucrânia, Oleg Nikolenko, ao disparar mísseis no porto, o presidente russo, Vladimir Putin, “cuspiu na cara do secretário-geral da ONU, Antonio Guterres, e do presidente turco, Recep (Tayyip) Erdogan, que fizeram enormes esforços para chegar a esse acordo”. Ele complementou que a Rússia deve assumir “toda a responsabilidade” se o acordo falhar e “a crise alimentar mundial” se aprofundar.

ONU e países reagem ao ataque

 

O secretário-geral da ONU, Antonio Guterres, condenou “inequivocamente” o ataque e destacou que “a implementação completa (do acordo) pela Federação Russa, Ucrânia e Turquia é imperativa”.

Na mesma linha, o chefe da diplomacia da União Europeia, Josep Borrell, afirmou que o ataque “demonstra o total desrespeito da Rússia pelas leis e compromissos internacionais”, enquanto a chanceler britânica, Liz Truss, o classificou como “completamente injustificado”.

“Este ataque lança sérias dúvidas sobre a credibilidade do compromisso da Rússia com o acordo desta sexta-feira (22)”, afirmou o secretário de Estado dos EUA, Antony Blinken, em comunicado.

 

De acordo com o governador da região de Odessa, Maksym Marchenko, os ataques deixaram “várias pessoas feridas”, sem dar mais detalhes.

Related Articles

CLIMA

Umuarama
nublado
16 ° C
16 °
16 °
93 %
4.4kmh
94 %
qua
22 °
qui
19 °
sex
14 °
sáb
18 °
dom
13 °
- ANÚNCIO -spot_img
- ANÚNCIO -spot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS